sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Confira alternativas para esfriar a temperatura do Grow!


Cultivar a sua própria maconha sem sombras de dúvidas é uma arte. Exige muita paciência, dedicação e observação. Nada se compara ao prazer de fumar buds cheirosos e resinosos, que você mesmo colheu, sem estar exposto a outros tipos de substâncias indesejáveis que costumam vir junto com o prensado que vende nas favelas.

Feita as considerações, o post de hoje nós vamos falar de algumas técnicas adquiridas através da experiência de cultivador. Sabemos que para se montar uma estufa nas condições ideais, pode-se gastar muito dinheiro, porém isto não é impedimento para se cultivar a própria maconha, uma vez que muitos growers adaptam a sua condição financeira á realidade na hora de produzir a estufa.

Uma das adversidades que se podem surgir quando se improvisa uma estufa, pode ser o calor excessivo produzido pelas lâmpadas da estufa. Como indica Jorge Cervantes, a Maconha suporta uma temperatura entre 15 C a 29 C, sendo que abaixo desse valor ou acima, a temperatura vai começar a influenciar negativamente no crescimento das suas plantinhas.

A melhor forma para que se controle a temperatura é instalando exaustores na parte superior da estufa, como lembra bem Vidal no livro Cannabis Medicinal: introdução ao cultivo indoor (p.86), o ar mais quente sobe, enquanto o ar mais frio tende a ficar nas partes inferiores, este fenômeno é que faz com que balões possam voar apenas se utilizando de ar quente, daí a explicação para a melhor posição do exaustor, para a nossa estufa.

Tudo seria uma maravilha, se nós não estivéssemos falando de condições extremas e nem sempre favoráveis ao cultivo da Cannabis. Um ótima alternativa para você que não teve condições financeiras suficientes para investir em exaustores é primeiramente colocar alguns furos, em partes estratégicas do grow, de preferência em cima, para que haja trocas gasosas, enquanto isso, procure um frasco no qual se possa deixar uma boa quantidade de água dentro do growe, para que assim, como processo de evaporação, consigamos uma temperatura mais amena no interior do grow, além de conseguir aumentar um pouco a umidade.

Outra medida que se pode tomar em conjunto é molhar alguma parte da parede do grow, logicamente tomando cuidado para não molhar peças eletrônicas e nem a fiação. Assim como o recipiente com água dentro do grow, a água em uma parte da parede faz com que se amenize a temperatura do grow, aumentando a umidade e ajudando a manter um clima mais agradável para as plantas no grow!

3 comentários:

  1. Cara estou montando um groll porém não consigo baixar a temperatura posso canalizar o ar condicionado do quarto pra dentro do groll?

    ResponderExcluir
  2. E como baixar a umidade do grow? Tenho tido 0% de umidade!

    ResponderExcluir