sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Pesquisa canadense pretende revelar as dificuldades do acesso à maconha medicinal

Os intensos debates sobre Maconha Medicinal vem se tornando acalourados não só nos Estados Unidos, como também no Canadá. Um coletivo de grupos de saúde está pedindo a ajuda de usuários de maconha medicinal canadenses para a realização de um novo estudo sobre os entraves ao acesso à droga.

O estudo foi criado por pesquisadores da University of British Columbia, Okanagan ea Canadian AIDS Society e tem o apoio de um grupo variado de parceiros, incluindo o Canadian Aboriginal AIDS Network, a Associação Canadense de dispensários de maconha medicinal , e o Conselho de Ação canadense de tratamento .

Os pesquisadores vão coletar dados de uma pesquisa on-line abrangente preenchido por qualquer pessoa que mora no Canadá e usa cannabis para fins médicos. As informações serão utilizadas em um estudo que incidirá sobre as dificuldades no acesso a cannabis.

O estudo leva cerca de 30 minutos a uma hora para ser concluído e inclui uma ampla gama de tópicos, incluindo dúvidas sobre onde os pacientes adquirem seus medicamentos e interações que tive com os profissionais médicos em relação à maconha medicinal. As questões foram desenvolvidas, em parte, por uma grande comunidade de ativistas, pesquisadores, produtores de maconha medicinal e pacientes de todo o país.

"A comunidade cannabis está bem ciente do Inferno que as pessoas passam por tentar obter acesso a Cannabis; os doentes estão bem conscientes”, declarou Rob Callaway, idealizador desta pesquisa e ativista canábico.

Callaway afirmou que as informações coletadas no estudo se destinam a adicionar à base de conhecimento na literatura acadêmica, o que seria útil em estudos futuros, processos judiciais e iniciativas políticas sobre este assunto tão controverso.

"Quando é concluído, ele será o mais completo estudo desse tipo já realizado no Canadá”, completou Callaway.

Callaway é otimista quanto aos futuros resultados desta pesquisa: “Esta pesquisa é um estudo nacional, portanto esperamos descobrir dados que jamais foram vistos antes.

Segundo um juiz de Ontário, no Canadá, o acesso médio à Maconha é é constitucionalmente inválido, pois primeiro os pacientes tem dificuldades de arrumar a droga e segundo, o programa de maconha medicinal está sofrendo uma grande recusa dos médicos.

O governo do Canadá tem proposto uma série de mudanças para o o programa de Maconha Medicinal, que está deixando muitos usuários de cannabis medicinal preocupado, inclusive extinguindo o cultivo pessoal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário