segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Dispensários de Maconha de Montana reclamam de possíveis invasões do governo federal


A Lei do estado de Montana sobre a Maconha Medicinal não tem eficiência contra uma possível invasão do governo federal aos dispensários de Maconha. Este ponto é justamente o que chama mais atenção, já que desde 2004 os eleitores de Montana aprovaram o uso da maconha para fins terapêuticos.
Com esta situação, a tendência é que os médicos diminuam as recomendações para a utilização da maconha medicinal.

Timothy Baldwin, um advogado contra a atual forma do governo federal agir, reclama: "A forma como o governo federal tem tratado o setor em Montana e em outros estados é que tem causado medo às pessoas , já que elas podem enfrentar acusações judiciais. Isso inclui também os médicos", disse ele.

Ainda em 2011, um grupo de cultivadores e dispensadores de maconha recorreram à justiça para reclamar de uma invasão orquestrada pelo governo federal americano, que invadiu os dispensários, confiscando toda a mercadoria. No entanto, mesmo as leis de Montana permitindo o uso da maconha medicinal, o juiz da corte distrital, Donald W Molloy disse que sobre a ótica da legislação federal, a maconha ainda é uma substância considerada entorpecente e sem fins médicos, fazendo com que a justiça ficasse com as mãos atadas.

Atualmente, 16 estados dos Estados Unidos mais Washington DC possuem legislação para a maconha  medicinal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário