sexta-feira, 25 de maio de 2012

Admita, proibicionistas, a Cannabis é mais importante que você!


Você pode não fumar maconha, mas talvez seja uma pessoa que se preocupa com o planeta. Além disso, a verdade é que que a extração das fibras da Cannabis é um importante aliado no que conhecemos como desenvolvimento sustentável. É inegável que a Cannabis é uma planta que possui mais benefícios à sociedade do que malefícios.  A desinformação é que causa toda esta demonização da planta.

Segundo o sempre lembrado e um dos maiores ativistas da Maconha que já existiu, Jack Herer já ponderava que de 1740 até 1940, 80% de toda Maconha/Cânhamo/Canabis do mundo era cultivada e industrializada pelos Cossacos e exportada pela Rússia.

De 75% a 90% de todo papel usado desde 100 AC até 1883 era feito de Maconha/Cânhamo/Canabis. Livros (incluindo Bíblias), dinheiro e jornais ao redor do mundo eram principalmente feitos de Maconha/Cânhamo/Canabis.

Há 125 anos atrás, de 70% a 90% de toda corda, barbante, cabos, velas de navios, lonas, tecidos, roupas etc., eram feitos de fibra de Maconha/Cânhamo/Canabis, que foi substituída pela invenção da fibra petroquímica feita pela DuPont em 1937.

A fibra da Maconha/Cânhamo/Canabis é 4 vezes mais macia que a do algodão, 4 vezes mais quente, 4 vezes mais absorvente, 3 vezes mais elástica, muito mais durável, é retardante de chamas e não precisa de pesticidas nem adubação.

Cinqüenta por cento de todos os pesticidas produzidos são usados no algodão. Hoje 1% das terras americanas são cobertas por algodão.

A Maconha/Cânhamo/Canabis é como planta, a maior fonte de saúde e cura do nosso planeta e não usa pesticida e herbicida. É a mais saudável planta para o consumo humano e para o próprio planeta, já que ela é totalmente sustentável, além do que, mesmo que muitos relutem, principalmente os proibicionistas, a canabis é sim mais importante que você! Legalize a canabis para todos os bens!

Um comentário: