domingo, 18 de novembro de 2012

Legalização da maconha já!


Estava fumando, questionando e conversando com amigos, sobre maconha. Degustando um bom fumo orgânico e proseando, acabamos chegando a um assunto muito peculiar.

Estávamos sentados na varanda da casa de um amigo, de frente para uma bela roseira, em um belo jardim, num dia ensolarado, e eramos 4 amigos, então percebendo aquela cena, de total calmaria e relaxamento, perguntei: Será que vão legalizar em breve? Como será o anúncio e o funcionamento de uma lei mais branda conosco ?

Simplesmente fiquei pensando que, a qualquer momento a polícia poderia nos perturbar, se alguma denúncia fosse feita em relação ao cheiro ou coisa parecida, e me indignei. Não é justo, eu disse, não estamos fazendo mal algum à sociedade, não estamos incomodando vizinhos, não estamos criando baderna ou confusões para as pessoas, estamos apenas felizes e degustando uma coisa de altíssima qualidade, que muitos preconceituosos, que não sabem muito além do nome da planta, estão perdendo e poderiam aproveitar as coisas boas da planta.

Enquanto isso numa casa perto desse meu amigo, um grupo de pessoas assistindo ao futebol, junto com muitas bebidas faziam barulho e baixarias na rua, e aquilo era totalmente aceitável, mas o nosso baseado seria repreendido se nós estivéssemos na calçada fumando em público e quietos como estávamos.

Foi então que as coisas passaram a não fazer mais sentido algum, e eu disse: Quer saber ? Quem vai legalizar sou eu, não sou ladrão, não sou vagabundo. Estudo, trabalho e respeito muito ao próximo, então vou fumar aonde bem quiser e quando quiser. Desde esse dia já fumei em 4 locais públicos, claro colocando minha segurança em risco, mas vou dizer que o prazer da liberdade foi sensacional, e acho que muitos outros deveriam experimentar essa liberdade. E nisso um amigo meu maconheiro me reprimindo, dizendo para eu apagar, e eu disse a ele que é por isso que está proibida ainda, pois os próprios maconheiros se proíbem de fazer o que gostam e querem.

Então amigos maconheiros, quem escreveu a proibição foram eles, mas quem faz essa proibição somos nós, uma vez que nos submetemos às leis que não concordamos, dessa mesma forma quem fará a legalização somos nós, se pararmos de nos auto-reprimir, irão aos poucos começar a enxergar as coisas da forma que tem que ser. Da mesma forma que antigamente era muito estranho você ouvir sobre sexo explícito em músicas, veio o funk falando coisas que queriam, no início causando choque, mas hoje em dia é muito mais que normal a insinuação sexual nas músicas, sejam elas funk, sertanejo, axé entre outras.

Então é isso ai, vamos legalizar ! Quem gosta de fumar fume ! Quem não quer financiar tráfico, plante !



3 comentários:

  1. Eu penso da mesma maneira, nunca me importei onde fumasse. Sempre que voltava da balada a pé eu vinha fumando o meu tranquilo pela madrugada até chegar em casa. Porém em uma dessas noites, a polícia me parou. O cabo, pediu meus documentos, pegou meu beck apagou devolveu e falou: eu não vou ficar 1h na delegacia sobre esse incidente, infelizmente nossa sociedade ainda não permite o consumo, e as pessoas são preconceituosas. Acho que em função disso você deveria respeitar, fumando em casa em ambiente apropriado, pois além de se expor, você acaba colocando em risco sua segurança. Não tenho nada contra, minha obrigação não só restringe a exercer a lei, mas também a orientar, e esse é um conselho que te dou amigo, enquanto ainda for proibido, ainda é crime e talvez na próxima outra pessoa te leve. Esse foi um tapa moral que tomei.
    Posso pensar que muitos cidadães se ente agredidos com o uso em locais públicos e combater isso agredindo suas opiniões não me fazem melhor que eles, me faz igual. Se eu quero respeito não posso combater contra o pré conceito da sociedade, tenho que apenas procurar saber como faço as cosias e aos poucos implementar a tolerância. Enfim é papo pra muito tempo e pipes. Mas fica minha experiencia de vida.

    ResponderExcluir
  2. esse tipo de droga nunca vai ser legalizada pq isso acaba com varias pessoas e família...A droga so destrói a pessoa q fuma isso e uma porcaria...fica a dica

    ResponderExcluir
  3. Destroi? como é que é? Tu so pode ser um alienado falando uma merda dessa cara. A maconha não foi liberada" não por pensamentos ignorantes como o teu e sim pq é mais facil fazer milhoes de estudos para provar como a maconha "faria mal" do que fazer estudos ( sem financiamento do governo, lógico) para comprovar as propriedades benéficas da maconha. É lamentável ver um poste assim, realmente isso não faz o menor sentido. O alcool sim destroi familias e além do mais, me conte sobre alguem que tu conhece que tenha morrido ou ficado doente por caysa da maconha. Fumo a 7 anos e estou cada vez melhor. Deve te informar como o stress é oxidativo para o cerebro e como o organismo reage em questão de imunidade essas coisas, e geralmente o Maconheiro não é estressado isso mostra o quanto a maconha pode ser benefica em questoes de valvula de escape contra o estresse, evitando assim varias doenças psicossomaticas relacionadas ao cerebro e organismo, que estão interligados. FALO COMO USUARIA E ESTUDANTE DE PSICOLOGIA.

    ResponderExcluir