terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Smoking Review - Bulldog auto Haze


Olá amigos leitores do Planeta Maconha, temos o prazer de apresentar para vocês o primeiro smoking review do ano. Smoking review para quem ainda não sabe, é quando alguém degusta uma variedade de maconha disponível no mercado, depois de cultivada, colhida, seca e curada corretamente, e faz um resumo geral sobre o fumo, mostrando suas sensações quanto ao sabor, aroma e efeito. Dessa vez vamos falar sobre a Bulldog auto Haze, da Bulldog Seeds, uma planta automática e nova no mercado, mas que já foi cultivada, fumada e aprovada. Então confere ai.

Em primeiro lugar, sempre começo uma degustação de Cannabis cada passo, para absorver o máximo de informação possível sobre aquela flor. O primeiro passo é o aroma cru, desde o cheiro que se sente do bud armazenado dentro do saco zip lock ao momento em que se parte a flor e se libera maior variedade de aromas. Nesse caso de cara senti aquele aroma característico de Haze, o que eu descreveria como um aroma que lembra o de revistas novas, levemente azedo, e depois que partido o bud, na hora sobem aromas mais concentrados do Haze, lembrando frutas verdes, como manga ou acerola verde.

O sabor cru é provavelmente minha segunda parte favorita, que consiste em dar umas tragadas no baseado ainda apagado, para sentir os sabores que ele libera sem ter a interferência da fumaça. O sabor cru foi puro haze, aquele gosto de revista nova ficou marcante, mas conseguí destacar um sabor ainda mais presente nesse bud, o gosto de siriguela verde muito agradável, dava vontade de ficar o dia todo tragando aquele cigarro aparado, porém não teria graça.

Agora vem minha parte favorita, fumar. Esse processo eu separo em três estágios, estágio inicial ou primário, estágio médio, e estágio final ou terceiro estágio, pois o sabor do baseado vai se alterando à medida em que se acumula particulas provenientes da queima, logo o sabor do fumo que ainda está para ser queimado se altera também, e nós podemos sentir diferentes sabores e aromas, basta abrir a cabeça para deixar que os sentidos fluam. Assim que acendi o cigarro, e dei a primeira tragada o que senti foi um gosto que lembra massa de pão caseiro levemente torrado, e a sensação palativa foi de leve adistringência, como se deve uma baforada de um bom charuto. O segundo estágio foi muito bom, ainda melhor que o primeiro, com um sabor levemente mais ácido, lembrando patê de azeitonas, muito saboroso e agradável. O terceiro e último estágio, foi o melhor, o que é incomum, pois geralmente as primeiras tragadas são as melhores, mas a Bulldog Haze me surpreendeu nisso, foi o contrário, o estágio final foi melhor que o primário, com um sabor que me lembrava claramente uva niagara, aquela uva bem escura de tamanho bem pequeno e sabor intenso, que é muito comum na região sul do Brasil. Diria que as 5 últimas tragadas foram claramente com sabor dessa uva, o que me surpreendeu muito, e saiu completamente da linha que vinha seguindo nos primeiros estágios, que foram mais ácidos, e o final mais doce e suave, o que fez a finalização do baseado ser a melhor possível, deixando aquela vontade de fumar mais um.

Outro fator que me chamou a atenção durante toda a degustação, desde a primeira tragada, foi o fator boca seca, não sobrou nenhuma saliva desde início, o que as vezes é chato, então é bom ter um pouco de água por perto. Porém outro fator que me agradou muito, foi o sabor e aroma na boca após a tragada. Diferentemente de outras cepas de maconha, a Bulldog auto Haze não deixa nenhum sabor desagradável após ser fumada, tampouco mal hálito, depois de uns 5 ou 10 minutos parece que você não fumou nada, realmente muito bom.

A onda é leve, você sente que tá de cabeça feita, mas não fica chapado de jeito nenhum, é ideal para aquele momento de relaxada, porém que você precisa em seguida fazer alguma atividade  que te exija a função cognitiva, como voltar ao trabalho por exemplo. Você não vai ficar derrubado de preguiça nem sono, tampouco vai ficar eufórico e querendo muita agitação, então é ideal para fumar no dia a dia, e dar aquela relaxada na hora do almoço.

Por fim, dou uma nota 7.5 para ela, o que é bom, lembrando que é difícil eu dar uma nota maior do que 8.5, para isso o fumo tem que me surpreender muito, e é difícil eu dar uma nota menor do que 6.5, uma vez em que o bud estiver curado corretamente é difícil dizer que o fumo é ruim. Esse fumo foi curado por um mês, o que eu considero o mínimo de cura para se ter uma degustação agradável e livre de sabores ruins como o da clorofila.

Você encontra sementes dessa cepa no site Semente de Maconha e recebe na segurança de sua casa com total sigilo. Compre com quem entende.

Um comentário:

  1. Em setembro de 2013, Alex foi diagnosticado com câncer terminal Isso se espalhou dos pulmões em seu cérebro e fígado. Eu transformei-me tão doente que ele cansou-lo a fazer a mais pequena tarefa; de atravessar uma sala levaria grande esforço e toda a sua respiração. Eu não consegui suportar Sua situação mais e eu começar a fazer perguntas Acerca câncer no meu bairro e local de trabalho, acima de tudo, eu estava orando a Deus que devem enviar a cura para o meu marido e tirar a tristeza longe da minha família, fiel uma noite meu vizinho que recentemente se mudou para a carne bairro para me que ouviu que tenho vindo a fazer a pergunta sobre o câncer e me contou sobre o óleo de cânhamo Rick Simpson e como ele curou o câncer de mama 9 anos. Ela me deu o número de telefone Rick Simpson (+447024075089) Instantaneamente eu dei-lhe um convite e sua resposta me acalmou, me deu seu e-mail me (ricksimpsoncannabisoil_phoenixtears@outlook.com) no telefone. Foi uma grande alegria naquele dia e eu tenho salvar a vida anjo do meu marido eu pedi o óleo e Naquela semana eu recebi e seguiu suas instruções e deu o meu marido Alex o óleo de cânhamo. A Deus seja a glória Alex é totalmente livre do câncer e eu é saudável e forte agora, depois de eu ter informou que qual eu podia respirar bem, não estava tendo qualquer tipo de dores e sentiu as células boas em Seu corpo tem de falar sobre. quatro dias depois, nosso médico de família, Benson, foram registrados há sinais de lhe qualquer dificuldade para respirar ou ter problemas com tarefas físicas e câncer; Obrigado Senhor, Louve a Deus meu marido é muito viva, com a ajuda de um servo de Deus Rick Simpson. A partir de 04 de janeiro de 2015, Alex continua a ser confiável para respirar totalmente e profundamente. Sua diz Dr. Alegadamente Seu fígado está livre do câncer. Isso não tem Parece ter qualquer pequena quantidade disponível de câncer no fígado e os pulmões novamente. O médico está espantado com a eficácia do óleo de cânhamo. Alex e eu acredito que as principais mudanças estão em seu corpo por conta de trabalho óleo de cânhamo de Rick Simpson. É claro que não nego O importante papel de fazer dieta. (A história de Alex é um exemplo perfeito de como o óleo de cânhamo, muitas vezes têm cura milagres no corpo.) Eu agradeço o tratamento milagroso óleo de cânhamo Rick Simpson.

    ResponderExcluir