quarta-feira, 26 de junho de 2013

Uso crônico de maconha poderia causar inflamação no cérebro


fumar maconhaUm estudo recente realizado em animais sugere que o uso crônico da maconha pode causar inflamação no cérebro, que pode levar a problemas de coordenação motora e aprendizado.

Mas o que fica em dúvida é, o que seria o uso crônico de maconha? Qual a quantidade e frequência de uso que caracterizam o tal uso crônico? Isso não foi especificado na notícia, o que nos leva a pelo menos ficar com um pé atrás a respeito. Talvez estejam se referindo ao tipo de uso do Snoop Dogg, que disse que em certos dias chega a fumar 80 baseados.

O estudo explicou por que essa inflamação do cérebro leva a problemas de aprendizagem motora, e encontrou uma resposta surpreendente - Cannabis ativa as células do sistema imunológico que parecem desempenhar um papel crítico na forma como uma região do cérebro chamada cerebelo funciona.

Outro fator que devemos destacar aqui, é a forma como a "maconha" foi ministrada aos ratos de laboratório, que na verdade nem foi maconha, foi um concentrado puro de THC, o que seria impossível acontecer fumando maconha natural, que possuem outros canabinoides, como o CBD, que atua no balanceamento do efeito do THC no cérebro.

No estudo, os ratos receberam delta9-tetrahidrocanabinol, ou THC, o ingrediente ativo da maconha, de forma pura e concentrada, durante seis dias. Em seguida, os ratos foram obrigados a executar diversas tarefas para testar a sua coordenação, assim como a sua capacidade de aprender a associar um som com um alimento, enfim, testes que são executados com ratos normalmente. Durante a última tarefa, chamado de condicionamento de piscar os olhos, os ratos devem aprender a antecipar o sopro de ar, e piscar quando ouvem o som, e nesse teste os ratos não responderam como deveriam, pois estavam doidões demais para isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário