quarta-feira, 17 de julho de 2013

Ativistas plantam cannabis ao redor de cidade na Alemanha

ativismo da maconhaAutoridades da cidade alemã de Göttingen, disseram ter encontrado e destruído 70 plantas de cannabis espalhadas pela cidade por um grupo de protesto pró-cannabis.

Um grupo de Göttingen que se autodenomina "Algumas crianças de flores Autónomas", disse em uma carta aberta que vários quilos de sementes de maconha foram espalhados ao redor da cidade como forma de protesto contra a "política restritiva de drogas," da Alemanha.

"Nós não podemos colocar os olhos sobre esta planta útil e bonita, porque isso é absolutamente proibido de crescer na Alemanha", dizia a carta.

A carta afirma que o grupo não consegue entender "por que a Cannabis, ao contrário do álcool, não pode ser comprado legalmente."

Jasmin Kaatz porta-voz da polícia de Gottingen disse que os policiais estão usando as fotos postadas no site do Green Youth, o capítulo da juventude do Partido Verde, para identificar os locais das plantas e destruí-las.

Ela disse que os investigadores estão buscando os cultivadores de possíveis acusações de tráfico de narcóticos.

Detlef Johannson, porta-voz do governo da cidade, disse que a polícia e funcionários de parques já destruíram 70 plantas, mas que isso nem chega perto do total.

Nenhum comentário:

Postar um comentário