quinta-feira, 18 de julho de 2013

Cultivo de maconha cresce na Finlândia


O cultivo de maconha é uma prática cada vez mais comum no mundo, inclusive em países com condições muito adversas de clima, como na Finlândia, onde parece que a população quer legalizar por conta própria a planta que já é legal pelas leis da natureza.

Em Turku, e municípios vizinhos, a polícia finlandesa ceifou e destruiu quatro enormes plantações de maconha nos últimos dias. A estimativa da polícia é que todo o trabalho feito não é o suficiente para erradicar a maconha de vez no país, pois as plantações estão cada dia em maior tamanho e maior quantidade.

As plantações são encontradas por moradores que denunciam à polícia, que em seguida vão averiguar e depois destruir, mas quando chega a hora já tem outras plantações feitas. Na Finlândia também cultivam muito em interior, cultivo que lá é chamado de Kannabis Interior.

O chefe do Departamento de Polícia Sudoeste diz que as denúncias são extremamente precisas, pois as pessoas facilmente identificam que é uma plantação de maconha pelo formato característico das folhas.

Nessa semana em que a polícia destruiu quatro plantações em Turku, a menor delas tinha 3 metros de largura, enfileirando dezenas e dezenas de plantas já com cerca de 50 centímetros.

Ainda segundo o chefe de polícia, essas plantações de cannabis encontradas são apenas a ponta do iceberg, pois na Finlândia existem muitas áreas inóspitas, e o número de policiais no país é muito reduzido, uma vez que não se tem grande frequência de crimes hediondos, e segundo ele, pegar os cultivadores é quase impossível, pois as plantações já são encontradas grandes, em valas e montanhas pouco habitadas, onde qualquer um poderia ter plantado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário