segunda-feira, 1 de julho de 2013

Gastronomia com Cannabis - Salmão com gergelim ao molho de manteiga cannábica


Olá pessoal, bom início de semana pra todos, e vamos começar laricando com estilo hoje. Faremos um salmão simplesmente delicioso e muito simples de se fazer.

Vamos usar dois métodos de cocção para fazer este salmão, primeiro será uma leve fritada na superfície do peixe, na frigideira, para armazenar a suculência na carne, para depois ir ao forno sem ficar seco.

Vamos precisar de:

Filé de salmão
Gergelim crú
Limões
Alcaparras

Este preparo além de muito sofisticado depois de pronto, é super simples de preparar, e quem gosta de salmão vai ficar realmente com água na boca.

Primeiramente corte o filé em postas individuais, e depois tempere com sal e pimenta do reino, por todos os lados de cada posta.

Agora deixe uma frigideira aquecer bastante (isso é importantíssimo) antes de colocar o salmão, coloque um fio de azeite apenas para não grudar, e coloque apenas uma peça por vez, deixando ele fazer aquele barulhinho de fritada até mudar de cor, e depois vire e faça o mesmo processo. Repita isso para cada peça, isso garante que o salmão não perca a suculência quando for para o forno, onde será assado.

cozinhar com maconhaAgora esprema os limões em uma vasilha que dê para colocar as postas de salmão, de uma por uma faça o seguinte, molhe no limão e depois passe pelo gergelim, para que ele grude no salmão.

Deixe um forno pré aquecido a 150 graus, e coloque os filés lá por aproximadamente 25 minutos. Enquanto isso, em uma panelinha, coloque a manteiga para derreter em fogo baixo, quando estiver derretida, desligue o fogo antes que ela fique realmente quente, e tempere com sal e pimenta, e acrescente algumas alcaparras, se não gostar, pode colocar azeitonas em rodelinhas. depois disso coloque a manteiga no freezer, para que fique dura enquanto o salmão assa.

Quando retirar o salmão do forno, coloque-lo no centro do prato, pegue um pedacinho da manteiga temperada e endurecida, e coloque sobre ele, para que derreta sobre o próprio peixe, formando o molho na hora. 

Pode acompanhar com arroz à grega ou arroz branco, e legumes cozidos ao vapor, fica muito bom. Se for harmonizar com um vinho, recomendo um Pinot Noir ou um espumante Brut.

Bom apetite!

Chef. Rafael Santos.
Twitter: @rafinhacook 

Nenhum comentário:

Postar um comentário