sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Mamães de Bererly Hills pedem a legalização da Cannabis

Mães maconheirasA maioria dos americanos agora apoiam a legalização da cannabis, sugere uma nova pesquisa.

A pesquisa Gallup sugere que 58% das pessoas nos EUA apoiam o encerramento das restrições com a maconha - em comparação com apenas 12% em 1969, quando a pergunta foi feita pela primeira vez.

No ano passado, dois estados dos EUA - Colorado e Washington - votaram a favor da legalização da droga para uso recreativo, embora ela ainda esteja proibida pelo governo federal.

Na Califórnia, a maconha medicinal tem sido legal por anos. Um lado da campanha que luta para ampliar sua disponibilidade, ampliar sua utilização para fins médicos e, finalmente, legalizá-la, está sendo conduzido a partir de uma seção improvável da sociedade.

The Beverly Hills Cannabis Club se auto denomina um grupo de mulheres da "alta sociedade" que usam a droga por razões médicas e que estão dando à campanha legalize-cannabis uma cara diferente.

Os pesquisadores estão percebendo que hoje em dia as pessoas estão simplesmente falando mais abertamente e com menos tabu sobre a erva Cannabis, o que facilita a troca de informações mais ricas, e que consequentemente está fazendo essa mudança na cabeça de pessoas que antes eram contra a legalização ou mesmo a descriminalização. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário