sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Presidente do Uruguai assina oficialmente a nova lei da legalização da maconha

Uruguai na vanguarda da legalizaçãoEm um movimento histórico para o movimento da reforma da Cannabis, bem como dos direitos civis em geral, o presidente do Uruguai, José Mujica, assinou oficialmente uma proposta para legalizar a maconha em todo o país, tornando-a de fato uma lei e sendo o primeiro país do mundo a fazê-lo desde que a proibição começou décadas atrás.

Sob a nova lei , a posse , uso e transferência de até 40 gramas de maconha será legal para aqueles com idade mínima de 18 anos, assim como o cultivo privado de até 6 plantas. Além disso, os clubes de Cannabis estatais serão criados para distribuir maconha para adultos, e as farmácias serão autorizadas a distribuir maconha para pacientes qualificados. De acordo com Julio Calzada, secretário - geral do Comitê Nacional sobre Drogas do Uruguai, a maconha será vendido a apenas US$ 1 (um dólar) por grama, como um meio de subcotação ao mercado negro.

A parte da proposta que autoriza lojas de Cannabis terá efeito 120 dias após Mujica assinar a proposta, o que aconteceu na segunda-feira à noite. No entanto, a partir de hoje , todos os adultos no Uruguai podem legalmente cultivar até seis plantas de Cannabis em casa.

Muito esperançoso ver que aqui pertinho de nós o mundo está começando a mudar, apesar de partes brasileiras terem ido até o Uruguai para literalmente torrar a paciência dessa gente tão avançada intelectual e culturalmente em relação aos nossos governantes, que só conseguem ser submissos às vontades das grandes empresas de mídia e principalmente de petróleo no Brasil (Petrobrás).

Mas ainda temos que ter esperança, pois um dia será impossível para essa gente arrumar qualquer pretexto para manter a nossa erva proibída.

Nenhum comentário:

Postar um comentário