segunda-feira, 26 de maio de 2014

Enquete mostra que 83% em Nova York aprovam a maconha medicinal

nova york
Uma pesquisa da Universidade Quinnipiac divulgada nesta semana revelou que a grande maioria dos eleitores de Nova York são a favor da legalização da cannabis medicinal. Ao todo, 83% se mostraram a favor da mudança, com apenas 15% contra. A maioria dos eleitores de Nova York - 51% a 44% - também estão em apoio à legalização da maconha completa, inclusive para fins recreativos. 

Legalização da cannabis medicinal é favorecida por todos os partidos políticos, em Nova York, incluindo 74% dos republicanos. 

"A maconha medicinal em New York, e em todos os outros estados pesquisados ​​pela Quinnipiac, é um acéfalo", diz Maurice Carroll, diretor assistente da Universidade Quinnipiac. 

No início desta semana o Comitê de Saúde do Senado de Nova York votaram para aprovar uma medida que legaliza a maconha médica, um movimento que é claramente apoiado por uma ampla maioria dos eleitores de Nova York. 

Para a pesquisa, a Universidade Quinnipiac entrevistou 1.129 eleitores do Estado de Nova Iorque entre 14 e 19 de maio. A pesquisa tem uma margem de erro de + / - 2,9 pontos percentuais.

Nova York não tem uma lei favorecendo a maconha ainda, mas quem já teve a oportunidade de caminhas pelas movimentadas ruas de lá, sabe como o esquema é legalizado pela população, muita gente fuma em meio a multidão, no centro da cidade, e ninguém liga. Mas infelizmente nos bairros ao redor, onde a população é em sua maioria negra, acontecem muitas prisões por porte e uso de maconha, sempre as vítimas são pessoas negras. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário