sexta-feira, 4 de julho de 2014

A proibição da maconha é uma galinha dos ovos de ouro para agentes da lei

legalize jáPor que a aplicação da lei lutas tanto contra a legalização da maconha? Embora haja muitas razões, uma das mais importantes é porque o seu financiamento depende dela. As autoridades policiais obtém verbas federais para combater o crime, e aumentar os seus dados com a prisão de consumidores de maconha. No final do ano eles podem apontar para os dados e dizer 'olha, pegamos todos esses criminosos, agora nos deem mais dinheiro. "Se / quando a maconha for legalizada, uma grande quantidade de dados se vão embora, e com eles, alguns dos seus financiamentos. 

Manter a proibição da maconha no lugar é "bom para os negócios" para a aplicação da lei. 

Subvenções aos estados e municípios não são contingentes no aumento de prisões por drogas, mas as autoridades federais reconhecem que muitos chefes de polícia e delegados acreditam que acumulando prisões, continuarão a ganhar dinheiro com esse eterno enxuga-gelo. 

"A cada ano, você diria: 'Isso é o que fizemos, estas são as nossas prisões efetuadas', e você deseja obter o dinheiro do governo federal", diz Art Watson, vice-xerife chefe no Condado de Hancock, nos EUA, que também enfrenta muita resistência contra a legalização em muitos estados, devido à corrupção e a má vontade dos agentes da lei.

Outra forma da qual a aplicação da lei ganha dinheiro com a proibição da maconha é através de confisco de bens. Se um policial pega alguém cultivando ilegalmente maconha em sua casa, ou transportando de forma ilegal em seu carro, eles tiram essas coisas fora, junto com o que mais eles puderem ter em suas mãos. Semelhante às verbas federais, se / quando a maconha for legalizada, essas oportunidades de confisco de ativos vão embora.

É hora de parar de gastar dinheiro com a proibição que de nada funciona. É hora de ganhar dinheiro com a maconha, uma droga leve, recreativa e medicinal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário